Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

HORA VIP - A revista que surpreende

Portalegre a Capital de Distrito mais Doce de Portugal

Sopa Dourada, rebuçados de ovos moles, pastéis de Santa Clara, manjar branco, toucinho do céu, fartes e outras iguarias conventuais e tradicionais invadiram o Mosteiro de São Bernardo, em Portalegre, no fim-de-semana 13, 14 e 15 de abril.

Cerca de quatro dezenas e doceiros e milhares de visitantes marcaram presença na 18ª edição da Feira da Doçaria Conventual e Tradicional de Portalegre.  Este evento conta com a prensa de doceiros oriundos de todo o país. Entre a doçaria conventual e tradicional os visitantes cometeram o pecado da gula e deliciaram-se com os doces conventuais. A boleima de Portalegre, boleima de açúcar e canela, também foi um dos bolos rei deste evento.

Este evento contou com o curso habitual de Doçaria Conventual e Licores.

A Feira da Doçaria Conventual e Tradicional de Portalegre tem como principal objetivo valorizar o trabalho dos doceiros de Portalegre e divulgar o património gastronómico portalegrense.

 

Fotografias retiradas do Facebook da Feira da Doçaria Conventual  Tradicional de Portalegre.